tripe

A fotografia é a arte de expressar o que as pessoas veem da maneira mais bela possível. Para que essa arte seja completa e tocante, é necessário que o fotógrafo tenha bons equipamentos para lhe ajudar nessa jornada. Mas nem sempre é muito fácil escolher o tipo de Tripé para fotografia, e abaixo daremos algumas dicas importantes.

A primeira característica que é importante ser definida pelo fotógrafo é o material do tripé. Para isso você vai precisar saber aonde exatamente você pretende fotografar: se é em casa, em estrada de areia, se é em um estúdio, etc.

Veja os tipos de tripé para fotografia que existem:

Espigões metálicos – São melhores para você utilizar nas fotos em lugares rochosos, terras, areias ou pedras.

Borracha/plástico plano – Não riscam o chão e são indicados para quem deseja fotografar em espaços interiores.

Borracha/plástico redondo – se adaptam a diversos ambientes ou superfícies (não só horizontais) e quase não deslizam, permitindo uma estabilidade nas fotos.

Largura e peso do tripé

Você deve levar em consideração a largura do tripé, vez que ele quem dá a estabilidade do mesmo. Portanto, quanto mais larga as pernas do tripé, mais estabilidade ele vai trazer para a sua fotografia.

É indicado que você faça a medição do peso colocando os acessórios da sua câmera e as pesando, escolha de acordo com o peso ideal do tripé e câmera. Leve em consideração também se você vai levar o tripé na mão ou em um carro.

Cabeça e altura do tripé

Os tipos de cabeças do tripé mais usados são:

Cabeça Tilt – possui três movimentos independentes: para cima e para baixo, para a esquerda e direita, e girar em 360 graus e parar em um determinado local escolhido. Para fotografia é o mais indicado.

Cabeça Ball Head – É uma bola onde se encaixa em uma concha, ela permite os três movimentos também, porém não possui travas individuais, por isso, apesar do movimento ser mais rápido se comparado com o modelo anterior, é menos preciso.

Esperamos que tenha gostado dessas dicas para que você possa escolher da melhor forma possível um tripé para conseguir expressar seus sentimentos e profissionalismo através dessa arte tão peculiar.